“À conquista da alma juvenil”: aspectos do discurso dos sectores laicos e clericais sobre os estudantes secundários. Chile, c.1850 - c.1900

Resumo:

Busca-se analisar o conflito que houve em Chile na segunda metade do século XIX entre setores conservadores (aglutinados em torno à educação privada religiosa, aos meios de comunicação e com importante presença na educação pública) versus grupos laicos que, representados politicamente no liberalismo e radicalismo, hegemonizavam a direção e gestão do sistema nacional de educação. Por meio de um campo específico (as visões divergentes de ditos atores sobre o perfil desejável das condutas e os valores dos jovens formados no ensino estatal), será examinada a maior divisão que se deu entre Catolicismo y Laicismo.

 

Palavras-chave:

Estudantes secundários – Juventude – Disciplina escolar – Catolicismo – Laicismo.