Para construir uma educação latino-americana. O pensamento pedagógico e curricular de Rolando Pinto

 
Resumo:

Neste artigo destacamos o valor que para o campo da Pedagogia Crítica significam as experiências e a capacidade reflexiva com que Rolando Pinto tem enfrentado à práxis educativa. Abordamos seu pensamento com o propósito de gerar um marco de referência conciso sobre as linhas teóricas e de ação que desenvolveu o educador chileno, para que possamos enfrentar a construção da verdadeira perspectiva educacional desde e para América Latina. Partimos da certeza que seu pensamento emergiu a partir da metodologia “reflexión-acción” (Pinto) e da “leitura do mundo” (Freire) se materializando nas obras selecionadas onde abordam as características da “pedagogia, o curriculum e o docente crítico situado”, nos permitindo identificar, compreender e sistematizar os três eixos estruturais da proposta para sua posterior valoração. Serão as comunidades educativas críticas-latino-americanas que reconheceram âmbitos e ações necessárias para transformar a educação imposta.

 
Palavras-chave:

Rolando Pinto - Pedagogia Crítica - Paradigma educativo latino-americano - Prática educativa.